O que é Employee Experience? Entenda sua importância 3 semanas atrás

Você já ouviu falar em employee experience?

Esse é um termo vindo da língua inglesa e significa “experiência do colaborador” ou “experiência do empregado”. Este conceito trata da vivência completa de todos os profissionais que interagem de alguma forma com as empresas.

Todas as experiências que o profissional tem com a empresa são consideradas parte do employee experience. 

Desde a primeira entrevista, assinatura do contrato de trabalho, realização das atividades diárias até o momento em que deixa a organização por algum motivo, o colaborador está construindo uma percepção da organização baseada em sua vivência nela.

Todas as opiniões, impressões e sentimentos do profissional em relação ao negócio fazem parte da experiência do colaborador e podem ser melhoradas quando este conceito é compreendido e aplicado na prática pela organização.

Por isso, todos os pontos de contato com os colaboradores contam: momentos de onboarding, treinamentos de funcionários, reconhecimento de conquistas, promoções e todos os demais acontecimentos na trajetória profissional de um trabalhador que atua na empresa são importantes para que a employee experience seja positiva.

Sabemos que muitas organizações ainda não estão familiarizadas com o conceito de employee experience, muito menos com sua aplicação prática no dia a dia de trabalho.

Por isso, a mywork preparou este artigo para introduzir os principais conceitos de experiência do colaborador e ajudar gestores e profissionais de recursos humanos a implementarem essa métrica tão importante em seus processos de gestão de pessoas.

Ao longo da leitura deste material, você vai entender:

  • O que é employee experience;
  • Por que as empresas devem se preocupar com employee experience;
  • Os benefícios que essa estratégia tem para o dia a dia de trabalho;
  • Como aplicar employee experience na prática;
  • Como ferramentas de gestão de pessoas podem ajudar com employee experience.

Quer saber mais sobre o assunto? Então continue com a leitura!

O que é employee experience?

Como mencionamos, employee experience, também conhecido como experiência do colaborador, é o conjunto de percepções que um profissional tem da empresa em que trabalha. 

Essa percepção é formada ao longo de toda a permanência do trabalhador na empresa, desde o momento da contratação até o desligamento.

É importante ressaltar que avaliar employee experience envolve todos os sentimentos, pensamentos e opiniões do profissional em relação à organização, não apenas seu desempenho, engajamento e realizações profissionais.

O foco central de employee experience está justamente em compreender como os colaboradores se sentem e o que pensam sobre sua jornada na empresa como um todo.

Para que os gestores possam entender melhor este conceito de experiência do colaborador, é importante que exercitem a empatia e coloquem-se no lugar do empregado. Assim, é possível enxergar a empresa sob uma nova ótica.

É claro que cada colaborador tem uma opinião e visão particular sobre a empresa, mas quando a experiência do colaborador é valorizada como um todo a tendência é que tais percepções sejam cada vez mais positivas e semelhantes.

Assim, a experiência do colaborador deve ser pensada para situações como:

  • Processo seletivo;
  • Processo de admissão;
  • Onboarding;
  • Desenvolvimento e Treinamento de funcionários;
  • Crescimento profissional (planos de carreira e promoções);
  • Outplacement (desligamento e recolocação no mercado de trabalho).

Por que as empresas devem se preocupar com a experiência do colaborador?

Diante de um mercado de trabalho cada vez mais competitivo, muitas empresas se veem diante do desafio de atrair e reter talentos e oferecer um bom clima organizacional e valorizar os colaboradores são medidas indispensáveis para isso.

Afinal, o capital humano das empresas é o principal pilar para o sucesso e um dos diferenciais competitivos centrais em qualquer negócio. A experiência do colaborador é um termômetro importante para entender como este capital humano está performando e avaliar a satisfação interna.

Tudo isso tem um impacto direto no negócio e quanto melhor for a vivência dentro da empresa, maiores as chances de desenvolver equipes engajadas, motivadas e orientadas para o sucesso do negócio.

Além disso, apostar em estratégias para melhorar a employee experience é uma ótima forma para que a empresa se torne uma marca empregadora.

Isso aumenta as vantagens competitivas da organização em relação às demais, além de melhorar a imagem da empresa como fomentadora de um bom ambiente de trabalho.

Quais os benefícios de investir em Employee Experience?

Agora que você já entendeu o conceito de experiência do colaborador e a importância dessa estratégia para o dia a dia das empresas, confira os principais benefícios que essa prática pode agregar em seu negócio.

  • Fortalecimento da cultura organizacional;
  • Aumento do engajamento das equipes;
  • Redução do índice de turnover;
  • Diminuição de erros em processos internos;
  • Melhora do clima organizacional;
  • Promoção da imagem da empresa como marca empregadora;
  • Aumento da acessibilidade dos colaboradores à empresa;
  • Melhora da comunicação interna;
  • Promoção de uma cultura de feedback;
  • Criação um ambiente de trabalho saudável e motivador;
  • Capacitação de lideranças e times diversos;
  • Aumento da diversidade nas contratações;
  • Diminuição de atrasos e do absenteísmo;
  • Consequentemente, aumento da assiduidade dos colaboradores;
  • Aumento da retenção de talentos e da satisfação interna.

Como desenvolver employee experience na prática?

Agora que você entendeu o conceito, as vantagens e os benefícios da experiência do colaborador, vamos à pergunta central: como é possível desenvolver este processo na prática?

Aprimorar o cotidiano dos funcionários em sua empresa é uma tarefa fácil quando você conhece as necessidades de cada um, afinal, cada pessoa é motivada pessoal e profissionalmente de uma forma diferente.

No entanto, há alguns fatores que funcionam de forma holística para promover a satisfação interna e melhorar a experiência dos funcionários na empresa.

Nesta seção vamos te mostrar algumas estratégias que podem ser adotadas nas empresas para construir uma jornada positiva para os colaboradores.

  • Dê voz aos colaboradores

Como comentamos, é muito difícil (senão impossível) construir uma experiência do colaborador efetiva e positiva de verdade sem ouvir o público ao qual essa estratégia se destina: os próprios funcionários.

É indispensável que as empresas garantam que os colaboradores terão voz ativa no processo de valorização de sua jornada no negócio, participando ativamente de decisões que os impactam diretamente.

Para que isso seja possível, a empresa pode apostar na condução de pesquisas internas de satisfação, entrevistas e feedbacks anônimos para entender o que os funcionários pensam e esperam da organização e de seus gestores.

  • Capacite as lideranças para a gestão de pessoas

Os líderes da empresa devem ser os primeiros a compreender o que é employee experience e devem ser os principais embaixadores desta estratégia no dia a dia de trabalho. Afinal, lideranças capacitadas e empáticas tendem a construir equipes mais engajadas e motivadas.

Isso contribui para a disseminação de boas práticas em toda a empresa e no fortalecimento de uma cultura organizacional sólida e positiva.

  • Promova a comunicação transparente

Nenhuma estratégia de valorização da experiência do colaborador tem sucesso se a comunicação interna não for transparente e descentralizada no que diz respeito às experiências, ações e decisões que impactam os funcionários.

Por isso, é importante construir uma rotina de comunicação aberta e transparente entre todos os funcionários, departamentos e lideranças da empresa, de forma que todos sejam ouvidos.

  • Invista na cultura de feedback

Oferecer um feedback é uma etapa fundamental de qualquer programa de valorização do colaborador, pois esta é uma ferramenta crucial para a comunicação e assertividade do programa de employee experience.

Implementar rotinas de feedback regulares e coletar impressões e opiniões dos funcionários com frequência é uma boa forma de medir os níveis de satisfação e de positividade da experiência interna de trabalho.

Como ferramentas de gestão de pessoas podem ajudar na experiência do colaborador?

A experiência do colaborador pode e deve ser melhorada constantemente, afinal, o mercado de trabalho está passando por mudanças cada vez mais rápidas e dinâmicas, o que também muda as necessidades e desejos dos trabalhadores.

Ferramentas de gestão de pessoas podem otimizar muito tais processos, pois permitem que vários gestores acompanhem métricas importantes para a avaliação da experiência do funcionário e seus desdobramentos.

Por exemplo, uma ferramenta que coleta feedbacks anônimos dos colaboradores pode apontar situações que estão dificultando a comunicação interna entre as equipes, o que permite que os gestores atuem diretamente sobre este problema.

O mesmo acontece com ferramentas de controle de ponto online, como a da mywork. O controle de ponto online permite que os gestores acompanhem as jornadas de trabalho de seus funcionários em tempo real, o que pode ajudar a identificar problemas relacionados a atrasos e faltas. 

Os gestores, dessa forma, podem criar estratégias para promover a assiduidade dos trabalhadores e reduzir os níveis de absenteísmo.

Você pode testar o sistema de controle de ponto online da mywork gratuitamente durante 15 dias clicando aqui.

Nenhum comentário em O que é Employee Experience? Entenda sua importância

Deixe uma resposta